Arquivo mensal: outubro 2014

Segundo dia DMA 2014 San Diego CA

1. Prioridade Zero: Quebar os silos de dados nas empresas.

O grande entrave para a captação de dados é, normalmente, a cultura da empresa. Onde cada área se sente dona dos dados gerados por ela sobre os clientes. E formata os dados para atender às especificidades do seu solicitante ou do seu departamento. E não, aos demais usuários da empresa.

O que agrava esta situação, na maioria das empresas, está relacionada a postura de TI, que considera a área solicitante como a especificadora e proprietária do formato dos dados a serem gerados,

O que torna esta miopia alarmante é o resultado da pesquisa realizada pela Terradata, uma gigante de tecnologia nos USA. A maioria dos altos executivos americanos acredita, piamente,que não há barreiras ao acesso de dados entre os departamentos da sua empresa!

2. Um conceito pragmático para orientar a configuração da plataforma de CRM. Bem simples e vai direto ao ponto. O denominado de Triplo C:

Contexto: planejado para orientar a definição dos campos e para estruturar os dados relevantes sobre os clientes e o seu relacionamento com a marca.

Conteúdo para moldar a experiência do cliente e o relacionamento com a marca.

Conectividade dos canais de relacionamento para fornecer a visão 360 graus do cliente e a ele oferecer a melhor experiência.

3. De tudo o que se viu neste grande evento aqui em San Diego, a velha receita para o sucesso do CRM continua imbativel, inclusive, para o sucesso em Big Data: Alta qualidade das pessoas envolvidas, processos, tecnologia e dados. E cada vez mais, a sua metodologia.

4. No início da noite desta terça-feira, madrugada no Brasil, foram anunciados os vencedores do grande premio mundial de marketing direto, o Echo. A agência brasileira e/ou MRM do grupo McCann brilhou. Levou dois bronzes é um Leader. Foi muito aplaudida.

5. Afinal, como prometido ontem, o que o Magic Johnson falou sobre liderança. Lembrando, ele foi o grande líder do seu time, o Lakers, vencedor cinco vezes do campeonato americano de basket. Também liderou o Dream Team, a inesquecível seleção americana campeã do mundo. Portanto, méritos de líder não lhe faltam, pelo contrario sobram. Em resumo, disse o seguinte: “dou atenção a todo o detalhe durante o jogo, especialmente, a cada jogador que está jogando no meu time”. Agora tirem as suas conclusões.

Amanhã e, diariamente, até esta sexta, tem mais. Se tiver alguma sugestão será super bem-vinda!

Big Data o desafio é agora!

O destaque da manhã doDMA 2014 foi a excepcional palestra de Magic Johnson, o maior astro do basket mundial. Um show de simpatia, comunicação e alegria. Agora, ele é um empresário super bem sucedido na área de esportes. Deu algumas dicas excelentes sobre liderança. Você vai ler no post desta quarta-feira.

Resumo do dia: A grande reviravolta do marketing está sendo o resultado da migração do consumidor da relação ofline com as marcas, para a online. Isto modifica dramaticamente as variáveis que afetam e determinam a Experiência do Cliente. Fundamental para a sua fidelização e retenção. Trocando em miúdos, para a sobrevivência e sucesso de uma marca.

No mundo ofline as empresas podem ser eficazes lidando com consumidores anônimos. Agora no online, não. Para com ele se relacionar, há a básica necessidade de captar uma grande quantidade de informações internas e externas sobre os clientes, ou pelo menos para aqueles clientes de valor para a marca.

Então passamos a falar sobre Big Data, tema dominante nas conversas na DMA 2014, aqui em San Diego.

Uma coisa já sacramentada. O Big Data vai mudar o padrão de competição entre as empresas. E como sua resultante, a capacidade analítica, inerente a qualquer marca, passará ser um dos seus diferenciais competitivos. Não será só a análise, não. Ela tambem vai determinar a arquitetura de dados, definindo quais serão os dados relevantes para uma marca possuir sobre os seus consumidore e qual o orçamento para tal.

O que se enxerga hoje nos USA é um grande desafio para daqui cinco anos. Serão necessários para atender a demanda do Big Data, duzentos mil analistas de alta qualidade. Além de um exército de um milhão e meio de gestores com capacidade de tomar decisões baseadas em Big Data.

Amanhã promete. Tema bastante quentes sobre o Engajamento dos Clientes ou a razão de ser de uma empresa para ser bem sucedida.

DMA um dos maiores eventos mundiais de marketing vai dar o que falar!

Mais de seis mil profissionais de marketing de todo o mundo estão reunidos em San Diego na Califórnia, hoje e até a próxima quinta-feira, para debater e dissecar o tema extremamente atual “Engajamento de Clientes”.

Serão apresentados cases, conceitos que funcionam, fatores de sucesso, estratégias e campanhas vencedoras, ferramentas e plataformas tecnológicas, metodologias analíticas e muito mais. Uma mescla de soluções de Engajamento de Clientes, envolvendo Metodologias e Plataformas de CRM integradas às redes sociais, programas de fidelidade, abordagens de campanhas de marketing digital e pelas diversas mídias serão discutidas pelos mais relevantes profissionais da atualidade.

Nesta terça estarei postando um resumo desta segunda feira, que promete!